Catástrofes na região Serrana do Rio de Janeiro em 2011

No estado do Rio de Janeiro, cidades como Nova Friburgo, Petrópolis e Teresópolis sempre foram referências de tranquilidade, conforto e turismo. Em virtude das chuvas que ocorreram com grande intensidade a partir do dia 11 de janeiro de 2011, na região serrana do estado, o Brasil testemunhou a maior tragédia climática na histórica de nosso país.

Até então, a maior tragédia registrada tinha ocorrido em 1967, na cidade de Caraguatatuba, no litoral norte de São Paulo, quando morreram 436 pessoas. Em janeiro de 2011, nos primeiros dias de tempestades e consequentes  enchentes  e desabamentos, mais de 600 pessoas morreram nos municípios da região serrana do estado do Rio de Janeiro.

As catástrofes também atingiram as cidades de Bom Jardim, Areal, Itaipava, Sumidouro e São José do Vale do Rio Preto. Nos primeiros dias de chuvas, a maioria das mortes ocorreram em Nova Friburgo e em Teresópolis.

Além de vidas humanas, essas regiões tiveram perdas materiais como desabamentos de casas, ruas e vilas inteiras; e perdas na infraestrutura de serviços essenciais como abastecimento de água, esgoto, energia elétrica e telefonia.

Ajude as cidades de Teresópolis, Nova Friburgo e Petrópolis, por meio de depósito no Banco do Brasil:

Teresópolis – Ag: 0741-2 Conta: 110000-9

Nova Friburgo – Ag: 0335-2 Conta: 120000-3

Petrópolis – Ag: 0080-9 Conta: 76000-5

Leia o meu texto na íntegra:

http://www.infoescola.com/rio-de-janeiro/catastrofes-na-regiao-serrana-do-rio-de-janeiro-em-2011/

Fernando Rebouças

www.oiarte.com

Anúncios